abril 26, 2014
Mayra Caju Warren

no comments

Quibe Vegetariano // Vegetarian Kibbeh

Nós brasileiros amamos quibe. Pronto, falei. Quibe a gente come desde criancinha nas festinhas de aniversário. Frito, assado, cru, de qualquer jeito! Ter trigo para quibe (também conhecido como triguilho) em casa é tão comum quanto ter arroz e feijão na despensa. Eu amo, amo, amooooo tudo com trigo pra quibe!

Toda semana aqui em casa eu faço Tabouli Cajureba, uma ótima opção de almoço, jantar, lanche… o que for! Agora, depois da minha revolução ayuveda, aprendi a fazer o Quibe Vegetariano! Mais uma linda opção de qualquer coisa!

Esta receita eu fiz com todas as verdurinhas que tinha na geladeira. Não tava a fim de ir no sacolão, então peguei a xepa da geladeira e botei tudo no quibe! Achei o máximo poder fazer isso! Então compartilho com vocês!

Quibe Vegetariano Cajureba

Desculpa, mas a fome era tanta que não deu tempo de tirar foto antes de alguém tirar um pedação!

Desculpa, mas a fome era tanta que não deu tempo de tirar foto antes de alguém tirar um pedação!

Ingredientes:

2 xícaras de triguilho (ou trigo para quibe) de molho na água por 10 minutos
Legumes diversos ralados e bem picadinhos: cenoura, abobrinha, tomate, cebola (o que tiver na geladeira!)
Temperos verdes: hortelã, salsinha, cebolinha
3 colheres de sopa de óleo de girassol
Especiarias: 1 colher de chá de uma misturinha com pimenta síria (ou  garam masala), coentro moído, pimenta do reino, sal.
Opcional: 1 xícara de tofu ou ricota amassadinho, ou, como eu não tinha nada disso, coloque uma fatia de mussarela por cima, pra dar um tchan!

 Como preparar:
Hidrate o triguilho em água morna por 10-15 minutos. Misture tudo com a mão e espalhe em uma travessa untada.
Assar em fogo médio/alto por 35 a 40 min.

E pronto! Agora é só saborear! Sugiro colocar um pouquinho de tahine (Se você não tem tahine em casa, vai comprar! Rápido! É uma delícia e super saudável!) no canto do prato e dar uma misturadinha no quibe para um sabor diferente! Colocar um molho de pimenta também! Ai, que delícia!!!

Enquanto assa, dá uma olhada aqui nos benefícios do triguilho à saúde e algumas curiosidades também:

  • a palavra kubbe, em árabe, significa “bola”. Por isso, originalmente, o quibe que conhecemos e consumimos não passa de uma bola de carne enrolada em trigo e fritinho… huuummm!
  • o triguilho é tipo um grão de trigo enrustido, que não cresceu. Então ali estão todas as propriedades integrais! Segundo este site, ele é fonte de nutrientes do complexo B, amido e diversas proteínas. E tem mais: potássio, zinco, magnésio, selênio e vitamina E (bom pra pele!).
  • como todo grão integral, o triguilho é fonte de fibras e ajuda o intestino a funcionar melhor, prevenindo a prisão de ventre quando associado à ingestão adequada de água. Fibras também ajudam a gente a se sentir mais saciado, ajudando na manutenção e no controle do peso.

E mais uma curiosidade… uns anos atrás fiz um curso de culinária ayurveda com as meninas do Espaço Cardamomo — Glenda e Ananda — e elas fizeram uma receita deliciosa com triguilho orgânico. Gente, nunca mais achei pra comprar o tal triguilho orgânico, mas se você tiver a oportunidade, compre. Vale a pena. O sabor e a textura são completamente diferentes do trigo para quibe que a gente acha por aí no supermercado!

///

Brazilians love kibbeh. There, I said it. We eat kibbeh all our lives here. It’s tasty when it’s fried, roasted, raw, anyway you want it! Our pantries are always supplied with a bag of cracked wheat, or bulgur. And I simply love that ingredient!

In other countries it is not as easy to find this type of wheat product, but if you have the chance, look for it! In the USA I’ve seen it in the international areas in the supermarkets, or natural food stores, or mediterranean restaurants. I have tons of recipes for tabouli and find it a great option for lunch, dinner, snacks … whatever! And since we’re all trying to be part-time vegetarians here, I learned to make Vegetarian Kibbeh!

I made this with whatever veggies I had in the fridge. I didn’t feel like going to the store (happens a lot around here) so I simply put all my leftover veggies in the kibbeh.

Cajureba’s Vegetarian Kibbeh

Desculpa, mas a fome era tanta que não deu tempo de tirar foto antes de alguém tirar um pedação!

Sorry, guys! We were hungry and there wasn’t time to take the picture with it intact!

Ingredients:
2 cups cracked wheat (or bulgur) soaked in warm water for 10 minutes
Grated and finely chopped vegetables: carrots, zucchini, tomato, onions (whatever is in the fridge!)
Greens: mint, parsley, chives
3 tablespoons of sunflower oil
Spices: 1 teaspoon of Syrian pepper (or garam masala), a pinch of ground coriander, and black pepper and salt to taste.
Optional : 1 cup of tofu or ricotta, or, as I did not have any of that, you can place a slice of mozzarella on top, like a lasagna!

Preparation:
Hydrate the wheat in warm water for 10-15 minutes. Mix all ingredients by hand and spread them on a greased platter.
Bake over medium / high heat for 35-40 min .

And voila! Enjoy! I suggest putting a little tahini sauce (If you do not have tahini at home, go buy some! Fast! It’s delicious and super healthy!) in the corner of the plate and mixing it with your bites for some more flavor! Hot sauce works too! Oh, what a delight!

While it is in the oven, read about bulgur’s health benefits and also some curiosities:

  • the Arabic word kubbe means “ball “. So, originally, the kibbeh we all know and love is nothing but a ball of meat wrapped in wheat … Yuuummm!
  • bulgur is like a grain of wheat that didn’t grow. It is a source of B-complex nutrients, starch and various proteins. And more: potassium, zinc, magnesium, selenium and vitamin E (good for your skin!) .
  • it is also a source of fiber and helps the intestines to function better, preventing constipation when you drink an adequate amount of water, of course. Fibers also help us feel more satiated, which in turn aids weight control.

And another curiosity … a few years ago I took a ayurveda cooking class and we made ​​a delicious recipe with organic bulgur. I tell you what, since then I’ve never been able to buy organic bulgur here in Florianópolis. For some sad reason it is never around where I go shopping! But if you have the opportunity, buy it! It’s totally worth it, man! The flavor and texture are completely different from regular bulgur wheat from the supermarket!

Anúncios

Deixe um comentário

Required fields are marked *.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The Phd Mama

A Parenting & Multicultural Lifestyle Blog

Âncora Sandubar

Rio Tavares, Florianópolis, Brasil

Espaço Cardamomo

O Cardamomo é uma sementinha aromática muito utilizada na culinária indiana, que além de dar um sabor especial aos pratos doces, possui propriedades terapêuticas que auxiliam na digestão, aumenta ojas (imunidade) e favorece o rejuvenescimento, experimente!

palavras de magno

um portal de opiniao entrevistas contos e tudo que tiver direito

Papacapim

desmistificando a culinária vegetal

Funny for Nothing

The world as I see it

It Girls Go Bad

Be "It" Darling!

Diariamente....

Todo dia uma mensagem para a Vida!

Flor e chá

Moda inclusiva, acessível e inspiradora

Paredes Móveis

Coisas do Cotidiano

Illustrated Bites

an illustrated food blog

Portfólio

Uma coleção de trabalhos jornalísticos

Finger, Fork & Knife

I'm Kate and Finger, Fork and Knife is where I record the recipes that excite, nourish and inspire me. I focus on wholesome, high-nutrition, home-cooked food - recipes that satisfy and delight. Welcome!

veggiezest

Vegan & Vegetarian recipes from around the world

%d blogueiros gostam disto: